Please use this identifier to cite or link to this item: repositorio.unilab.edu.br/jspui/handle/123456789/311
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorBandeira, Maria Adriana Costa-
dc.contributor.authorSantos, Maria Josiane da Silva-
dc.contributor.authorPontes, Rita Lopes da Silva de-
dc.contributor.authorGonçalves, Roberta Maria Farias dos Santos-
dc.contributor.authorBrito, Erika Helena Salles-
dc.date.accessioned2017-01-25T13:36:37Z-
dc.date.available2017-01-25T13:36:37Z-
dc.date.issued2014-
dc.identifier.citationBANDEIRA, A. C. M.; SANTOS, M. J. da S.; PONTES, R. L. da S. de; GONÇALVES, R. M. F. dos; BRITO, E. H. S. de (2014)pt_BR
dc.identifier.urihttps://repositorio.unilab.edu.br/jspui/handle/123456789/311-
dc.description.abstractA Ouvidoria do SUS é uma unidade de importância estratégica para a gestão do SUS dentro da secretaria de saúde. Ela é um canal de comunicação entre a sociedade e as diferentes instâncias de gestão, levando o cidadão a participar da avaliação e fiscalização da qualidade dos serviços de saúde. Sendo uma forma de controle social, a ouvidoria auxilia no aprimoramento da gestão pública e no aperfeiçoamento gradual do sistema de saúde. O objetivo dessa pesquisa foi avaliar a Ouvidoria como instrumento de aprimoramento na gestão do SUS de Redenção. Tratou-se de um estudo comparativo e analítico baseado em estratégias de análise comparativa que se realizou na Secretaria de Saúde Municipal, em Redenção, Ceará, no período de janeiro a abril de 2014. Foi realizada uma pesquisa de satisfação em todas as USF (Unidades de Saúde da Família) do Município de Redenção,além as demandas que entraram na ouvidoria. Os resultados tiveram como base todos os meios de entrada da referida ouvidoria: presencial, e-mail, telefone, carta, caixa de sugestão e portal saúde. Este estudo pretendeu estabelecer estratégias e ações para melhorar o atendimento do Sistema Único de Saúde - SUS, mediante a adoção de mecanismos inovadores que possibilitam a participação dos usuários e servidores no mesmo, com o intuito de promovendo sua consciência sanitária e de controle social, afirmar o direito à saúde e consolidar o SUS. Esta pesquisa mostrou que se faz necessário um fortalecimento da ouvidoria como canal de comunicação entre a Secretaria Municipal de Saúde e os usuários e servidores dos serviços de saúde, além de conscientizar a os profissionais da atenção básica (principal porta de entrada do SUS) da importância deles em divulgar a ouvidoria; investimento na garantia de qualidade dos serviços nas unidades assistenciais; na qualificação no processo de gestão de pessoas; na ampliação das ações relativas à Política Nacional de Humanização – HumanizaSUS; e na melhoria no sistema de manutenção preventiva, de comunicação interna, de fluxos e de processos de trabalho nas nossas unidades assistenciais, além de investimento na infraestrutura das unidades de saúde do município de Redenção-CE.pt_BR
dc.subjectAdministração em saúdept_BR
dc.subjectSistema Único de Saúde (Brasil)pt_BR
dc.titleA ouvidoria como instrumento de aprimoramento na gestão do SUS no município de Redenção-CEpt_BR
dc.typeArticlept_BR
Appears in Collections:Artigo - Especialização em Gestão em Saúde

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Rita Lopes da Silva de Pontes.pdf687,96 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.