Please use this identifier to cite or link to this item: repositorio.unilab.edu.br/jspui/handle/123456789/568
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorOliveira, Antonio Wendel Nogueira-
dc.date.accessioned2017-03-21T14:09:25Z-
dc.date.available2017-03-21T14:09:25Z-
dc.date.issued2016-
dc.identifier.citationOLIVEIRA, A. W. N. (2016)pt_BR
dc.identifier.urihttps://repositorio.unilab.edu.br/jspui/handle/123456789/568-
dc.descriptionOLIVEIRA, Antonio Wendel Nogueira. Plantas medicinais para fins ginecológicos: usos e concordância em uma comunidade quilombola. 2016. 19 f. TCC (Graduação) - Curso de Enfermagem, Instituto de Ciências da Saúde, Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-brasileira, Acarape, 2016-
dc.description.abstractObjetivou-se investigar usos de plantas medicinais para fins ginecológicos em uma comunidade quilombola. Trata-se de pesquisa descritiva, desenvolvida com 77 mulheres de 120 famílias de uma comunidade quilombola. A coleta de dados foi realizada por meio de entrevista semi-estruturada abordando o uso de plantas medicinais para queixas ginecológicas. Os dados foram compilados e analisados utilizando o programa estatístico Excel, para determinação das frequências das variáveis numéricas e categóricas. A concordância de uso das espécies pelas entrevistadas foi calculada por meio da fórmula do Fator Consenso Informante (FCI), que apresenta valores que variam de 0 a 1, sendo que quanto maior o número maior o grau de consenso. Verificou-se que a maioria das indicações é realizada pela líder da medicina tradicional dos quilombolas. Grande parte advém da farmácia viva da comunidade, sendo uma tintura à base de cascas, folhas e raízes a mais empregada. A maioria das espécies vegetais citadas apresenta evidências científicas do efeito relatado. As preparações indicadas para queixas de inflamação uterina, dor pélvica e corrimento vaginal apresentaram FCI 0,83; 0,79 e 0,76 respectivamente. As que foram indicadas para feridas genitais e para prevenção do câncer apresentaram FCI = 0. Conclui-se que a prática do uso de plantas medicinais para fins ginecológicos na comunidade pesquisada é adequada, uma vez que possui correspondência no embasamento científico, e apresenta potencial de descoberta de produtos naturais bioativos.pt_BR
dc.languagePortuguês (Brasil)pt_BR
dc.subjectEnfermagempt_BR
dc.subjectEtnobotânicapt_BR
dc.subjectSaúde da mulherpt_BR
dc.subjectBaturité - CEpt_BR
dc.titlePlantas medicinais para fins ginecológicospt_BR
dc.title.alternativeusos e concordância em uma comunidade quilombolapt_BR
dc.typeArtigopt_BR
Appears in Collections:Artigo - Enfermagem

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Antonio Wendel Nogueira Oliveira.pdf470,58 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.