Please use this identifier to cite or link to this item: repositorio.unilab.edu.br/jspui/handle/123456789/1417
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorAlmeida, Silvani Silva de-
dc.date.accessioned2019-06-18T20:50:18Z-
dc.date.available2019-06-18T20:50:18Z-
dc.date.issued2019-06-08-
dc.identifier.citationALMEIDA, S. S. (2019)pt_BR
dc.identifier.urihttps://repositorio.unilab.edu.br/jspui/handle/123456789/1417-
dc.descriptionALMEIDA, Silvani Silva de. Um estudo de caso em uma IES pública: a saúde do trabalhador, e o acolhimento na administração pública. 2019. 44 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Administração Pública) - Instituto de Ciências Sociais Aplicadas, Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira, São Francisco do Conde, 2019.pt_BR
dc.description.abstractO presente estudo visa ressaltar a importância da saúde do trabalhador na administração pública bem como o acolhimento, através de um estudo de caso numa IES publica da Bahia/Campus dos Malês. O tema de pesquisa surgiu através da necessidade em cuidados com a saúde do trabalhador e QVT (Qualidade de Vida no Trabalho), nesse contexto, através do acolhimento é possível pontuar problemas e oferecer soluções, como também respostas, por meio da identificação das demandas dos usuários, buscando-se readequar os serviços por eles solicitados. Partindo dessa realidade, esta pesquisa apresenta as seguintes problemáticas: a importância da saúde, e o acolhimento do trabalhador para a administração pública. O que poderá ser feito pela a gestão universitária para contribuir no bom acolhimento desses servidores? A QV representa o grau de satisfação que os trabalhadores têm com seu local de trabalho, pois envolve aspectos importantes na vida pessoal e profissional de cada trabalhador, tais como: motivação, criatividade, vontade de inovar ou aceitar mudanças. No presente estudo com foi utilizada a metodologia exploratória, com análise qualitativa e quantitativa, em uma amostra de 90 servidores, de um total de 334 docentes 332 técnicos e 310 terceirizados. Porém, no campo pesquisado existem 45 técnicos em educação, 91 docentes e 43 terceirizados, sendo que estes últimos não entraram na amostragem da IES campo de estudo. Através dos dados coletados, definiu- se a análise da necessidade de mais ações voltadas para a QVT, acolhimento, o que permitiu ser identificado após análise dos resultados que serão apresentados ao longo da pesquisa e propor para os anos seguintes aprimoramento das políticas que promova ações voltados para a QVT no trabalho. Servindo de proposta de melhoria na adequação do serviço oferecido, caso haja interesse da superintendência de gestão de pessoas acatar o resultado.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectRecursos humanospt_BR
dc.subjectTrabalhadores - Cuidados médicospt_BR
dc.subjectUniversidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira - Administração de pessoalpt_BR
dc.titleUm estudo de caso em uma IES pública: a saúde do trabalhador, e o acolhimento na administração públicapt_BR
dc.typeMonographpt_BR
Appears in Collections:Monografias (Administração Pública - EAD)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_mono_salmeida.pdf2019_mono_salmeida.pdf680,12 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.