Please use this identifier to cite or link to this item: repositorio.unilab.edu.br/jspui/handle/123456789/1789
Title: Psicologia na atenção básica: desafios e inserção profissional no âmbito do NASF
Authors: Silva, Laize Santana
Keywords: Doentes - Psicologia
Núcleo de Atenção à Saúde da Família
Pacientes hospitalizados - Psicologia
Psicologia clínica da saúde
Issue Date: 19-Dec-2019
Citation: SILVA, L. S. (2019)
Abstract: No Brasil, a Psicologia enquanto profissão tem uma história consideravelmente muito recente. A Saúde Pública é um espaço que integra muitos profissionais de Psicologia, no Brasil. Estes estão distribuídos em diversas instituições de saúde mental, Unidades Básicas de Saúde e centros de saúde viabilizando a atenção integral a saúde, incluindo a identificação prévia de situações problemas, sintomas ou queixas, orientação e conhecimento necessário ao desenvolvimento humano, além da proteção e tratamento da saúde. O trabalho da (o) psicóloga (o) dentro da Atenção Básica (AB) se dá a partir da atuação dos Núcleos de Apoio à Saúde da Família – NASF; estes têm por objetivo aumentar a abrangência das ações da AB para além do que é proposto enquanto possibilidades de intervenção pela equipe mínima (médicos, enfermeiros e odontólogos). O objetivo desse trabalho é identificar os desafios e dificuldades do psicólogo no âmbito do NASF. O presente trabalho, configura-se numa Revisão de Literatura. No universo desta pesquisa, foram incluídos artigos publicados em bases de dados indexadas, a saber: SciELO - ScientificElectronic Library Online, na Lilacs – Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde, e na Bireme através da Biblioteca Virtual em Saúde. Após o cruzamento dos descritores foram selecionados doze (12) trabalhos para a construção deste estudo. Com base nos achados dos artigos utilizados, foram definidas quatro categorias: Relação entre NASF/ ESF e UBS; Trabalho em equipe Interdisciplinar/ Intersetorial; Modelo de Atenção tradicional (Individualizado) e Precarização do trabalho. Foram encontrados alguns desafios que estão presentes na inserção do profissional neste espaço, como a desarticulação das equipes e da rede, altas demandas de saúde mental, o que faz com que o profissional acabe adotando uma prática com características ambulatoriais, indo contra o que deveria ser feito. Para além disso, há a precarização do trabalho, não somente dos espaços, mas também do vínculo, falta de direitos profissionais e baixos salários, além da falta de capacitação.
Description: SILVA, Laize Santana. Psicologia na atenção básica: desafios e inserção profissional no âmbito do NASF. 2019. 37 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Especialização em Gestão Pública) - Instituto de Educação a Distância, Universidadeda Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira, São Francisco do Conde, 2019.
URI: https://repositorio.unilab.edu.br/jspui/handle/123456789/1789
Appears in Collections:Monografia - Especialização em Gestão Pública

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_mono_laizesilva.pdf2019_mono_laizesilva.pdf594,85 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.